Um avião bimotor caiu em mar aberto nas proximidades de Ubatuba, litoral de São Paulo, e de Paraty, no Rio de Janeiro, na noite desta quarta-feira (2/114). A queda aconteceu por volta das 21h. Três pessoas estavam a bordo do bimotor: um jovem de 20 anos (copiloto), o piloto e um tripulante.

Aproveite! Black Friday! Samsung Galaxy M52 5G por R$ 1.499,55

A aeronave saiu de Campinas (SP) por volta das 20h30 e pousaria no aeroporto de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, às 21h30. Os familiares relatam que, desde 21h, eles não têm mais notícias dos passageiros.

A ação de resgate ainda está ocorrendo e recebe apoio do Corpo de Bombeiros de São Paulo. Eles foram chamados para prestar apoio durante a madrugada. Segundo a corporação, a ocorrência seria para atender a “problemas técnicos” em uma aeronave.

Os bombeiros informaram que parentes do piloto entraram em contato, avisando o veículo enfrentava problemas. Há a suspeita de que o avião teria realizado um pouso de emergência nas águas. No entanto, as equipes ainda estão em buscas para localizar a aeronave e esclarecer o desaparecimento.

Nas redes sociais, a mãe e namorada de José Porfírio Júnior, que seria o copiloto da aeronave, afirmam que deixaram de receber notícias do jovem por volta das 21h. Elas alegam que ele estava acompanhado do piloto e de mais um passageiro e que teriam caído a 15 quilômetros da costa.

Os pais do copiloto estão em Paraty, no Rio de Janeiro, para acompanhar as buscas de barco. Os familiares alugaram um barco para procurar possíveis destroços do avião.