Rio – O secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, afirmou, na noite desta quinta-feira, em seu perfil oficial no Twitter, que o município do Rio registrou o menor número de casos da covid-19 desde o início da pandemia, em 2020. Além disso, ele ressaltou que de 100 testes realizados hoje, apenas quatro foram positivos para a doença.Soranz enfatizou que a queda é resultado da vacinação. “Já podemos dizer que neste momento temos a covid-19 controlada na cidade do Rio, devido a alta adesão dos cariocas à vacina”.

Segundo um gráfico divulgado pelo secretário, do Painel Covid-19 do Rio, a média móvel dos últimos sete dias foi de 53 casos.

Rio mantém plano de liberar uso obrigatório de máscaras até novembro

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, voltou a lembrar das fases de flexibilização das medidas restritivas contra a covid-19 na cidade, nesta quinta-feira (21), em suas redes sociais. Na segunda etapa, que começou no último dia 17, e na terceira, que deve acontecer a partir de 15 de novembro, estão previstas, entre outras medidas, a liberação do uso obrigatório de máscaras.

Como deliberado pelo Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19 (CEEC) e publicado em Diário Oficial, o município espera liberar o uso obrigatório do equipamento de proteção individual (EPI) quando 80% da população adulta e 65% da população total carioca estiverem com o esquema vacinal completo.

Na terceira fase da flexibilização, a pretensão é desobrigar o uso de máscaras em locais fechados, quando 90% dos cariocas adultos e 70% de toda a população local tiverem completado o esquema vacinal.